DOM 29 DE NOVIEMBRE DE 2020 - 22:17hs.
Faturação de € 521,2 bilhões

O jogo é o 5° setor com mais atividade dentro do e-commerce na Espanha

O último relatório publicado pela Comisión Nacional de los Mercados y la Competencia (CNMC) posiciona o jogo online como um dos setores com maior volume de negócios em comércio eletrônico na Espanha, com 3,9% da receita total no quarto trimestre de 2019. Com um aumento anual de quase 25%, o ramo é o segundo com o maior percentual de transações de e-commerce. O quinto lugar representa um faturamento de € 521,2 bilhões.

A CNMC coloca a categoria Jogos de Azar e Apostas entre as atividades com maior percentual de rotatividade no quarto trimestre de 2019, o que reflete a situação do mercado antes da crise gerada pela COVID-19, ocupando o quinto lugar. Ao mesmo tempo, o setor ocupa o segundo lugar entre os que apresentam o maior percentual de transações de Comércio Eletrônico, neste caso, superado apenas pelo transporte terrestre de passageiros.

Por segmentos, o quinto lugar na categoria de jogos representa um faturamento de € 521,2 bilhões.

Em geral, os setores de atividade com maior renda foram agências de viagens e operadoras de turismo, com 16,5% do faturamento total; transporte aéreo (10,1%) e hotéis e acomodações similares, em terceiro lugar (5,5%). O vestuário está em quarto lugar e os jogos de azar aumentam do sexto para o quinto lugar, com 3,9% do percentual de rotatividade.

Os dados divulgados sobre o período, focados na situação do mercado anterior ao Estado de Alarme causado pela pandemia de COVID-19, refletem que a rotatividade do comércio eletrônico na Espanha aumentou 23,5% em relação ao ano anterior, atingindo 13,3 bilhões de euros.

O número de transações ultrapassou 242 milhões, 17,9% a mais do que no período anterior. Anualmente, o comércio eletrônico ultrapassou 48,8 bilhões de euros na Espanha em 2019, quase 25% a mais que no ano anterior.

O setor de jogos também está entre os ramos de atividade com maior volume de negócios da Espanha no exterior, ocupando o quarto lugar com 5,7% das transações, atrás de transporte aéreo, hotéis e roupas.

Fonte: GMB / Azar Plus