MAR 4 DE AGOSTO DE 2020 - 08:40hs.
Rosaire Galea Cavallaro, Gerente de Vendas de Sportsbook

“A BETBY focará na localização e na construção de um relacionamento com os clientes brasileiros”

O fornecedor de apostas esportivas B2B BETBY conhece o enorme potencial do setor de jogos brasileiro e está trabalhando para obter a melhor fatia possível do mercado. Rosaire Galea Cavallaro, sua Gerente de Vendas de Sportsbook, não tem dúvidas: 'O Brasil estará inevitavelmente entre os 5 principais mercados em expansão do mundo'. Nesta entrevista exclusiva ao GMB, ele fala sobre todos os tópicos relacionados ao que também considera “um gigante adormecido” com ótimo futuro. 'Só podemos esperar grandes coisas desse mercado emergente', afirma ele.

Rosaire iniciou sua carreira em Betsson há cerca de 10 anos, se tornou trader sênior e desenvolveu sua qualificação em apostas esportivas. Depois de 5 anos, ele se mudou para a Offsidegaming, onde ele era o principal responsável por todo o risco no sportsbook, enquanto negociava grandes partidas, como a Copa do Mundo. Nessa posição, ele fazia parte de uma equipe que negociava mercados manuais que não podiam ser negociados pelo sistema, o que, por sua vez, provou ser rentável para a companhia. Ele foi abordado pela BET Entertainment, onde ingressou e focou na Vivagol, uma marca brasileira do grupo BET, que foi e ainda é líder de mercado em Portugal. Essa posição o levou a ingressar na BETBY, onde atualmente ele é responsável pelos comerciais e vendas da solução de sportsbook da BETBY.

GMB - Para um usuário brasileiro que vai à BETBY pela primeira vez, conte-nos os três principais pontos fortes do site?
Rosaire Galea Cavallaro -
Flexibilidade, localização e inovação. Se você der uma olhada em nossas apostas esportivas de demonstração, perceberá instantaneamente que nosso sportsbook é muito diferente de todos os outros do setor. Podemos ser muito flexíveis em termos de layouts, personalização, design, cores e muito mais quando se trata de front end UX. Também estamos sempre abertos a novas ideias. No entanto, lembre-se de que somos um fornecedor, então, novamente, deve ser o operador que precisa tirar o máximo proveito da nossa flexibilidade e inovação.

Acreditamos que entrar nesta indústria com uma nova abordagem está valendo a pena, pois estamos crescendo muito mais rápido do que projetamos, o que significa que estamos fazendo as coisas corretamente. Cobrimos todo o espectro de apostas esportivas, o que significa que inclui gerenciamento de riscos, negociação, gerenciamento de conta, suporte e vários outros aspectos da operação, mantendo o foco em fazer com que nossos clientes (operadores) se diferenciem de todos os outros neste setor em constante crescimento.

O Brasil é um mercado muito especial, com características diferentes de países europeus ou EUA. O que a BETBY planeja como diferencial para o apostador local?
O Brasil é um dos países mais populosos do mundo e todos pensam nele como um gigante adormecido. Anteriormente, trabalhei com uma marca brasileira e as questões de regulamentação eram literalmente como uma montanha-russa. Um dia está próximo de finalizá-la, mas, no dia seguinte, está longe de acontecer tão cedo. É realmente um mercado especial e tem um potencial enorme. A BETBY se concentrará na localização e na construção de um relacionamento com os clientes - algo que agrada a fantasia dos jogadores brasileiros.

Nós somos um fornecedor de apostas esportivas B2B; uma dessas coisas é garantir que o operador que usa nosso sportsbook esteja fazendo as coisas corretamente, e realizar o marketing que aproxima os esportes, a cultura e os jogos locais deve ser nossa principal prioridade. Sabemos que os brasileiros amam esportes europeus, mas nada supera suas ligas locais e todos sabem que esportes, principalmente futebol, são como uma religião para os fãs - alguns vídeos no YouTube são suficientes para fazer você entender o que significa a competição local e causar arrepios.

Outra coisa é que temos um produto secundário incluído em nossa solução totalmente gerenciada, mas que pode ser fornecido separadamente - os BETBY games. Esse é um tipo de eSport feito de bots virtuais e construído internamente, o que nos dá a capacidade de personalizar para mercados específicos, dependendo dos requisitos do operador.

Depois da regulamentação e com um certo tempo de maturidade, é loucura imaginar o Brasil entre os três lugares mais importantes do mundo para o mercado de apostas esportivas?
O Brasil estará inevitavelmente entre os 5 principais mercados em expansão do mundo. Vejamos alguns fatores que refletem isso e, eventualmente, serão responsáveis ​​por isso. População, geração millennials, economia, conhecimento. Essas são apenas uma parte subatômica de todo o cenário que fará do Brasil um dos maiores mercados do mundo. Com uma população de mais de 200 milhões, os próximos millennials que adotaram o mundo da Internet e um grande interesse na indústria de jogos de azar, além da obsessão pelo esporte, são a receita perfeita para isso. Em 2017, o Brasil se tornou o 13º maior mercado de jogos do mundo, ultrapassando a Austrália e estamos em 2020 com a regulamentação se aproximando a cada dia, só se pode esperar grandes coisas desse mercado emergente. O status do Brasil como economia emergente também é outro fator a ser lembrado.

Você já viu que muitos sites que trabalham no Brasil investiram no patrocínio de clubes, TV, campeonatos, embaixadores, etc. O que podemos esperar da BETBY nesse sentido?
A BETBY é um fornecedor B2B, portanto, em vez de investir em patrocínios em campeonatos, canais de TV, etc., preferimos investir em nosso software e depois colaborar com nossos clientes/operadores para fazer isso. Dito isto, não posso prometer que não chegaremos a um ponto em que poderemos investir em patrocínios em diferentes verticais dessa indústria.

Como uma companhia interessada, você certamente segue o processo de regulamentação do mercado pelo qual o Brasil está passando. Se você pudesse sugerir algumas diretrizes importantes para o governo, quais seriam?
Sugiro que as licenças sejam concedidas mediante diligência minuciosa, mas para mantê-las abertas em termos de números, já que limitar o número de operadores pode criar problemas com relação aos critérios usados para escolher quem entra e quem não entra. Além disso, outra coisa que parece simples e direta, mas ainda está sendo evitada, é uma colaboração e comunicação completa e adequada entre o regulador e os operadores, pois isso é essencial para ter um mercado saudável, onde os jogadores estejam protegidos e os negócios sejam responsáveis.

Os eSports já estavam crescendo e a pandemia posicionou a vertical no mercado de apostas esportivas para substituir as modalidades ao vivo que foram canceladas. O Brasil é uma potência em jogos eletrônicos. Essa é uma área em que o BETBY também se concentrará? Os eSports poderiam estar em pé de igualdade com os esportes convencionais em pouco tempo?
O eSports é um assunto muito controverso e há muitas opiniões diferentes sobre ele. Em suma, o que é esports? eSports é um jogo disputado por 2 ou mais pessoas. A primeira coisa que me vem à cabeça quando imagino isso é a integridade esportiva. Quão fácil ou difícil é consertar um jogo? Não estou falando da maior competição em que os vencedores ganham milhões, mas e os menores? Por outro lado, o eSports estava lá quando os jogadores não tinham nada em que apostar, e o fato é que os jogadores que gostam de apostar em sportsbook não mudam para o cassino, a menos que haja algum tipo de estratégia de venda cruzada que os direcione para esse caminho. O eSports é grande no Brasil e eles também têm equipes locais, além de um grande exército de influenciadores que impulsionam o eSports e o expõe ao mundo. Será semelhante aos esportes convencionais? Não acho que isso aconteça, especialmente no Brasil, vendo como as pessoas vivem para o esporte e o que isso significa para elas. De qualquer forma, se decidirmos aumentar ou focar mais os eSports no nosso portfólio, o núcleo será definitivamente equipes e competições locais.

A pandemia mudou os objetivos/metas que você tinha para o Brasil neste início desde o seu lançamento? O que você pode nos dizer sobre os próximos passos da empresa?
A pandemia é um cenário infeliz, continuará no próximo ano, planejamos com antecedência e estamos confiantes de que ficaremos bem. A América Latina em geral é um mercado interessante e, mesmo que a pandemia diminua a velocidade de todos, garantiremos que estamos à frente e manteremos nossa abordagem proativa em meio a tudo isso. Fique atento, em breve você receberá nossas notícias.

Fonte: Exclusivo Games Magazine Brasil