SÁB 28 DE NOVIEMBRE DE 2020 - 11:38hs.
Sites também transmitem algumas lutas ao vivo

Apostas esportivas ajudam a popularizar o MMA no Brasil

Hoje existem dezenas de plataformas que permitem aos fãs de MMA apostarem tanto no UFC quanto no Bellator. Esses sites trazem todos os eventos e cards das principais entidades do MMA, portanto são o paraíso para quem quer se tornar um apostador em Artes Marciais Mistas. Além da paixão pelo esporte, está no DNA do brasileiro fazer aquela 'fezinha' nos números para tentar mudar de vida. As casas de apostas também conquistaram os usuários por transmitirem algumas lutas ao vivo em seus sites.

Não é de hoje que o Brasil é apaixonado por artes marciais. A ligação do país com as lutas é antiga e surgiu muito antes de ter sido criado o popular UFC e o Bellator ou mesmo o famoso conceito de Mixed Martial Arts, o MMA. Já no início do século XX a família Gracie levava o Jiu-Jitsu Brasileiro ao exterior, sendo essa a vertente de Jiu-Jitsu mais praticada em todo o mundo depois do Judô. Ainda hoje, mais de um século depois, o estilo de luta dos Gracie é celebrado em todo o planeta.

Décadas depois o Brasil também se destacou no Boxe. Maguila foi um ícone do esporte nos anos 80 e 90, tendo perdido apenas 7 vezes em 85 lutas. Passou suas luvas para Acelino "Popó" Freitas, que nos anos 2000 foi um dos grandes pugilistas do mundo, cuja aposentadoria tardia, em 2017, aos 42 anos, deu-se como uma vitória espetacular em sua última luta nos ringues.

Contudo é fato que hoje a grande paixão do brasileiro é o MMA. As Artes Marciais Mistas têm uma história complexa e antiga, mas no Brasil foram popularizadas também pela família Gracie, com seu espetáculo de Vale Tudo, no início de 1920. A partir disso, o esporte cresceu em número de adeptos e em número de interessados em se tornarem lutadores profissionais. A criação do UFC, na década de 1990, foi responsável por trazer o formato que hoje conhecemos e que faz sucesso - e muito dinheiro - em todo o mundo.

Outro fator que ajudou a popularizar as apostas em MMA no país foram as apostas esportivas. Além da paixão pelo esporte, está no DNA do brasileiro apostar, fazer aquela "fezinha" nos números para tentar mudar de vida. Apostas em UFC, no entanto, vão muito além do desejo de "ficar rico". Elas são voltadas para os verdadeiros fãs do esporte, que gostam da adrenalina de apostarem em que será o grande vencedor. Outros apostam em se a luta terminará com nocaute, se será vencida por pontos ou com qual tipo de golpe o ganhador derrotará o adversário.

Hoje existem dezenas de casas de apostas que permitem aos fãs de MMA apostarem tanto no UFC quanto no Bellator. Esses sites trazem praticamente todos os eventos e cards das principais entidades do MMA, portanto são o paraíso para quem quer se tornar um apostador em Artes Marciais Mistas.

Sites de apostas transmitem lutas de MMA ao vivo

Além das apostas em si, as casas de apostas também conquistaram os brasileiros por transmitirem algumas lutas ao vivo em seus sites. No Brasil são raras as lutas transmitidas em canal aberto. Quando são, é normal que a transmissão não seja ao vivo, o que não tem o mesmo impacto. Os canais fechados, por outro lado, trazem todo o conforto das transmissões em tempo real, em HD e com ótima qualidade, porém são pagas. E quase sempre o valor não é nada barato.

Algumas casas de apostas têm serviço de live streaming disponível aos usuários cadastrados em seus sites. Por norma você não precisa pagar nada. Basta ter uma conta ativa e com saldo positivo, bastando ter R$1 depositado. As transmissões habitualmente são boas, com poucos travamentos e com dados estatísticos em tempo real dos eventos que estiver assistindo.

Esse tipo de serviço é muito importante para o esporte no país. O Brasil é majoritariamente focado no futebol, o que dá pouco espaço a outras modalidades. As apostas esportivas são uma forma bastante eficiente de popularizar o MMA, e isso pode ficar ainda melhor quando elas forem devidamente regulamentadas em território nacional, o que deve ocorrer até 2021.

A injeção financeira dada pelas apostas esportivas no Brasil pode representar também investimentos nas artes marciais brasileiras. Não apenas no MMA, mas em atletas menores ou atletas em idade olímpica, que representam o país em competições internacionais. Isso certamente poderia representar uma volta aos tempos de ouro, em que a família Gracie levou o povo brasileiro a ser conhecido no mundo das lutas.

Fonte: Combate Extra