MAR 25 DE ENERO DE 2022 - 02:51hs.
Chaves, Tendências, Previsões e Metas 2022

Pedro Marcos: “Principal objetivo da Fogobet será estabelecer cada vez mais a marca no Brasil”

O Country Manager da Fogobet no Brasil, Pedro Marcos, falou com exclusividade ao GMB sobre os objetivos da marca para este ano. O executivo assegura que buscarão crescer no mercado brasileiro com investimentos internos, novos parceiros e ideias de marketing “fora da caixa”. Para ele, “a interação entre apostadores e sites será uma tendência tecnológica em 2022, ano de grandes negócios em função da Copa do Mundo do Catar”.

Games Magazine Brasil - Quais tendências de avanços tecnológicos você acha que veremos neste ano em seu setor?
Pedro Marcos -
Acredito que com o rápido desenvolvimento tecnológico teremos uma maior interação entre os apostadores, sites de apostas e eventos. Também acredito que esse avanço tecnológico vai facilitar cada vez mais os jogadores para realizar depósitos e saques e também trazer mais segurança em suas transações.

Como você acha que a pandemia afetará os resultados dos negócios em 2022?
Acredito que não afetará. Como vimos no ano passado, os resultados para o mercado de apostas esportivas/cassino online foram positivos mesmo enfrentando certos períodos de quarentena e incertezas econômicas.

Acredito que agora em 2022, ano de copa do mundo e com a cada vez maior participação de empresas ligadas ao mercado de apostas esportivas e cassino online, a tendência é ter um crescimento econômico superior ao ano de 2021.

Você acha que as restrições de publicidade ao jogo serão aprofundadas globalmente?
Infelizmente estamos vendo em certos mercados restrições no que diz a respeito de publicidade para site de jogos de azar, o que pode acarretar prejuízos financeiros. Porém, acredito que essas restrições não serão aplicadas ao mercado brasileiro no curto e médio prazo. Como podemos ver, cada vez mais times e eventos estão tendo investimento de empresas do mercado de apostas, fazendo com que muitas empresas se beneficiem desses investimentos e mantenham a economia local aquecida.

 

 

O que você imagina para o mercado brasileiro em termos de legislação e regulamentação de jogos de azar?
O texto base que está em via de aprovação vai cobrir uma grande lacuna no mercado dos jogos de azar. O Brasil, um país de dimensões continentais e uma população de mais de 200 milhões de habitantes, necessita o mais rápido possível de uma lei reguladora para jogos de azar. Acredito que a regulamentação só trará benefícios ao país, fazendo com que o Brasil tenha uma fonte de arrecadação bilionária em impostos, sendo que esse valor poderá ser aplicado em outros setores da sociedade e também com uma regulamentação local que trará muito mais segurança aos usuários e operadores. 

Quais são as principais metas da sua empresa para o ano? Você está planejando mais lançamentos do que em 2021?
Nossa principal meta para 2022 é estabelecer cada vez mais nossa marca no Brasil, buscando sempre aprimorar e adequar nosso produto e serviços ao mercado brasileiro para melhor atender as necessidades dos nossos clientes. Também vamos buscar mais parceiros locais para colocar nossa marca como referência. Como fizemos o lançamento de um novo site no final de 2021, não planejamos no curto e médio prazo fazer um novo lançamento.

Para atingir seus objetivos neste ano você planeja fazer mais investimentos e contratações do que no ano passado?
Sim, como nosso principal objetivo para 2022 é estabelecer cada vez mais nossa marca no mercado brasileiro, faremos investimentos internos para adequar nossos departamentos à demanda de nossos clientes e por isso precisaremos cada vez mais de profissionais qualificados para nos auxiliar em nosso projeto.

Que tipo de patrocínios ou ações de marketing para divulgação dos produtos e serviços da sua empresa você acha que serão os mais relevantes este ano dentro do seu roadmap?
Nesse primeiro momento focaremos em ações de marketing digital e também em nossas redes sociais, onde tivemos uma conversão de clientes bem satisfatória. E num segundo momento buscaremos patrocínios. Também queremos trabalhar com aquelas ideias de marketing “fora da caixa”, pois acreditamos que como o mercado de jogos de azar é relativamente “novo” no Brasil muitas ideias e tendências ainda não foram testadas, o que pode gerar uma grande conversão de clientes.

 

 

Na sua visão de mercado global, você considera que 2022 pretende ser um ano com maior número de fusões ou compras de empresas do que o anterior?
Acredito que sim. Vemos que no Brasil temos muitos sites que operam localmente e acabam tendo um resultado bem satisfatório. Tal fato pode criar um desejo de fusão por parte dos grandes operadores, assim eles podem ter uma presença local cada vez mais forte. 

Você poderia citar três eventos dentro do seu setor que serão fundamentais em 2022? Por que você os escolheu?
Acredito que 2022, por ser ano de copa do mundo, os operadores de apostas esportivas vão dar um enfoque maior nesse evento, sem deixar de lado as ligas locais que contam cada vez mais com investimento de sites de apostas esportivas.

Em relação a feiras posso citar três eventos:

 -> Bis 2022: Devido ao sucesso do primeiro evento realizado em 2021, acredito que será ainda maior em 2022 além de ser uma ótima oportunidade para os profissionais que operam no Brasil poderem trocar experiências.

-> Afiliados Brasil 2022: Uma ótima oportunidade para aqueles que buscam firmar novas parcerias de afiliação com operadores locais.

-> ICE London 2022: Acredito que a ICE será um evento bem interessante para 2022 devido ao seu porte e abrangência de profissionais.
 

Fonte: Exclusivo GMB