VIE 12 DE AGOSTO DE 2022 - 13:00hs.
Brazilian iGaming Summit - BiS 2022

Eightroom apresenta vantagens e oportunidades que afiliação traz para os jogos

Ricardo Magri, Diretor Comercial da Eightroom, teve a honra de fechar o dia de palestras no BIS 2022. Ele comandou o painel “A importância do Marketing e Afiliação para o setor de jogos” onde contou sua experiência no mercado de afiliação para operadoras de apostas e apontou que o mercado está próximo de um período de muitas oportunidades de grandes resultados que é o da Copa do Mundo.

A palestra começou com uma explicação dos desafios pessoais encontrados por Ricardo Magri para entender o desejo do mercado de jogos por afiliação.

“O meu trabalho era mais focado em suavizar questões como o esporte considerar o mundo das apostas algo pejorativo combatendo lemas como máfia do jogos, das apostas. Na verdade, o que descobri é que o mundo das apostas gostava de fazer afiliação como em qualquer pratica de marketing. Meu maior trabalho não foi educar os detentores de direitos, mas, segurar o ímpeto das casas de apostas para fazer marketing de afiliação dentro dos clubes”, explicou.

Em seguida, o Diretor Comercial da Eightroom, afirmou que o mercado de jogos e apostas leva grande vantagem quando se trata de afiliação por ser digital em todos os seus aspectos.

“Um dos motivos da indústria preferir o marketing de afiliados é que ele usa tudo o que tem disponível no marketing digital para falar de um produto que é praticamente todo digital em sua cada aspecto de sua cadeia. A indústria do jogo foi avante mesmo sem ter um esporte sendo jogado. Entrarão os virtuais, os eSports, cassinos e slots que não eram tão explorados. Assim de cabo a rabo a oferta passou a ser digital. Com isso, se você quiser impactar um cliente de apostas você usa o digital no antes, durante e depois da entrega do serviço”, acrescentou.

Apesar de todas as ferramentas usadas no marketing de afiliação levarem a um resultado expressivo de performance, Magri alertou que o foco não deve ser apenas esse e que é preciso fazer uma avaliação dos riscos: “Posso dizer com conforto que a principal conversa que temos nosso dia a dia é o gerenciamento de risco. Isso deveria ser tratado de uma maneira mais inteligente. Não basta só pensar em performance, se você consegue ganho para mim, recebe também. Não é toda a situação que consegue gerar ganho. Essa é uma conversa sobre gerenciamento de risco que pouco a pouco tento entrar inteligentemente para todos escutarem”.

Por fim, Ricardo Magri ressaltou que a Copa do Mundo do Catar representa uma grande oportunidade para dinamizar o trabalho com afiliação e conquistar resultados em um curto prazo.

“Um período que seria de férias, completamente sem competições será o prime dos esportes. A Copa do Mundo, que é muito apostada, vai acontecer em novembro e dezembro coisa que nunca aconteceu e dificilmente voltará a acontecer. Todo esse período antes do Mundial será recheado de competições que tem de começar e terminar até a Copa. Tudo isso cria uma oportunidade de acelerar todas as estratégias de marketing de afiliação para culminar em algo muito bom no final desse período”, finalizou.