SÁB 22 DE JUNIO DE 2024 - 22:27hs.
Dicas

Checklist da SOFTSWISS para uma migração tranquila da plataforma de marketing de afiliados

Recursos aprimorados, segurança reforçada e custos menores são razões importantes para migrar de uma plataforma de marketing de afiliados para outra. A Affilka by SOFTSWISS, um provedor líder de software de rastreamento para o segmento, compartilha dicas para um processo de migração tranquilo.

O checklist preparado pelos especialistas da Affilka by SOFTSWISS ajudará a tornar o processo de migração mais claro e seguro, facilitando a cooperação com um novo fornecedor de software.

Pré-migração

Nesta etapa, definição de metas, seleção de dados e questões de comunicação são as prioridades mais altas. A equipe da Affilka by SOFTSWISS sugere que os operadores comecem com:

* Esclarecer os objetivos e resultados desejados da migração e identificar as principais métricas a serem monitoradas antes, durante e após o processo.

* Determinar os dados específicos a serem migrados, incluindo o histórico de jogadores e parceiros.

* Designar uma pessoa dedicada dentro da equipe para agilizar a comunicação com os especialistas do fornecedor da plataforma durante a migração.

Migração

Os principais aspectos a serem abordados durante o processo de migração incluem garantir que todas as partes interessadas estejam totalmente informadas e cientes do processo, preparar arquivos de mapeamento e configurar o sistema. Nesta fase, as etapas necessárias são:

* Informar todas as partes interessadas sobre o cronograma de migração, prazos e possíveis períodos de inatividade.

* Coletar e formatar todos os arquivos de mapeamento necessários de acordo com os requisitos da nova plataforma. Os dados devem estar limpos, precisos e atualizados.

* Ajustar as configurações da nova plataforma, incluindo planos de comissão e links de referência, para garantir que todas as integrações com outros sistemas funcionem corretamente.

Pós-migração

Na etapa pós-migração, a comunicação eficaz com os afiliados, a organização de treinamentos e o monitoramento pós-migração são imperativos para facilitar o sucesso operacional subsequente. Após a migração, os especialistas da Affilka by SOFTSWISS recomendam o seguinte:

* Notificar os afiliados sobre a migração. Isso permite que eles atualizem seus links de referência prontamente, minimizando a necessidade de migrações adicionais de jogadores posteriormente.

* Oferecer sessões de treinamento para afiliados e pessoal do operador sobre o uso da nova plataforma e fornecer guias abrangentes e recursos informativos, o que pode facilitar as operações futuras.

* Monitorar o sistema para quaisquer problemas pós-migração e coletar feedback de afiliados e funcionários. Essas ações podem ajudar a identificar áreas para melhoria.

Implementar essas etapas ajudará a garantir uma migração bem-sucedida, minimizando interrupções e maximizando os benefícios do novo sistema.

Anastasia Borovaya, head da Affilka by SOFTSWISS, resume: “O prazo de migração depende de quão rapidamente o cliente prepara os arquivos de mapeamento. Mais dados significam um processo mais longo, mas normalmente leva algumas semanas para a preparação e algumas horas para a migração para o ambiente de produção. Comunicação rápida e clara com a equipe do cliente é essencial para uma migração bem-sucedida. Quando o cliente responde prontamente e claramente, a migração progride de forma tranquila conforme planejado”.

A SOFTSWISS é uma empresa internacional de tecnologia com mais de 15 anos de experiência no desenvolvimento de soluções inovadoras para a indústria de iGaming. A SOFTSWISS possui várias licenças de jogos e fornece software abrangente para gerenciamento de projetos de iGaming.

O portfólio de produtos da empresa inclui a Online Casino Platform, o Game Aggregator com mais de 20.000 jogos de cassino, a Affilka affiliate platform, o Sportsbook software e o Jackpot Aggregator. Em 2013, a SOFTSWISS revolucionou a indústria ao introduzir a primeira solução de cassino online otimizada para Bitcoin do mundo. A equipe de especialistas, com sede em Malta, Polônia e Geórgia, conta com mais de 2.000 funcionários.

Fonte: GMB