MAR 4 DE AGOSTO DE 2020 - 07:53hs.
Segundo a Folha de São Paulo

Setor de jogos de azar receia que Ministério do Turismo defenda só um cassino no Brasil

A jornalista Joana Cunha, editora do Painel SA na Folha de São Paulo, afirma na sua coluna que os potenciais investidores interessados na liberação dos jogos de azar no Brasil andam preocupados porque dizem estar recebendo sinais do Ministério do Turismo de que a pasta vai defender um modelo com apenas um resort integrado com cassino em só uma cidade. Os projetos que tramitam no Congresso há décadas planejam mais de 30 cassinos.

Liberar um único cassino, na avaliação do setor, derrubaria o maior argumento em defesa da legalização do jogo no Brasil, que seria o aumento da arrecadação tributária, da geração de empregos e da atração de investimentos. Os projetos que tramitam no Congresso há décadas planejam mais de 30 cassinos.

Além do conteúdo da informação, é muito positivo que um dos jornais mais lidos do Brasil se preocupe com a legalização dos jogos de azar no país. Isso é um indicativo que o tema permanece na cabeça de muitas pessoas que trabalham para impulsionar a abertura da atividade, em algumas ou em todas as modalidades que vão gerar empregos e arrecadação de impostos.

Fonte: GMB