MIÉ 30 DE SEPTIEMBRE DE 2020 - 11:40hs.
Com sede no CT Joaquim Grava

Equipe de eSports do Corinthians terá time profissional de futebol virtual

Depois de anunciar a venda dos naming rights da Arena de Itaquera, que agora passa a se chamar Neo Química Arena, o Corinthians também terá novidades no setor de eSports, que já trouxe resultados com o título mundial de Free Fire. O clube anunciará a criação do Corinthians E-Football, equipe que representará o time nos campos virtuais. A equipe atuará na plataforma Pro Evolution Soccer, um dos patrocinadores do futebol profissional do Timão.

Com isso, o Timão será o primeiro clube de futebol do país a criar um Departamento de Futebol Virtual completo, com jogadores obedecendo uma rotina de atleta, com suporte de centro de treinamento, técnico e auxílio de profissionais de saúde e desempenho no esporte. A sede do Corinthians E-Football ficará dentro do CT Dr. Joaquim Grava.

"Ficamos muito felizes em contar com essa nova estruturação e ampliação no Futebol virtual que é vital para a continuidade e perenidade de nossas equipes de eSports. Apesar de já contar com o Felipe Mestre como primeiro atleta do segmento e depois com a já vencedora equipe de FreeFire, ter o pé, ou melhor as mãos, na modalidade que é nosso core business principal era algo natural para um mercado competitivo que está cada vez mais desenvolvido", comemorou Alex Watanabe, diretor de Marketing do Corinthians.

A equipe de futebol virtual do Corinthians atuará na plataforma Pro Evolution Soccer, um dos patrocinadores do futebol profissional do clube. Felipe Mestre, que já defendeu o Timão em formato de parceria, Bruninho Futefacil e Ghalbim são os nomes confirmados no clube. O projeto também contará com a participação do youtuber Afonso Games, que passará a produzir conteúdos exclusivos para as plataformas oficiais do clube.

O Alvinegro ainda conta com a parceria da TTB Branded Content, agência que atua no desenvolvimento do mercado de games no Brasil especializada em futebol virtual. A relação entre a empresa e o clube também focará na geração de conteúdo e na interação com o público.

"O Corinthians não é o primeiro time a criar uma equipe de futebol virtual, mas, garanto, com toda certeza, que é a primeira a fazer de maneira mais profissionalizada e com foco na franquia desenvolvida pela Konami, que é um dos patrocinadores do clube. O modelo, sem dúvida, será logo seguido por outros times, pois é focado no crescimento da modalidade, no desempenho dos atletas e no retorno de patrocinadores", explicou Felipe Carvalho, CEO da TTB.

"A nossa ideia é fazer com que o corintiano que ama futebol abrace o projeto. Torça, vibre e se sinta representado por essa equipe. O clube montou essa estrutura para competir em alto nível na E-Football Player League, Liga que será anunciada em breve e promete profissionalizar a modalidade no país. Para nós, futebol e futebol virtual são um esporte só. Tem as mesmas regras e despertam os mesmos sentimentos de competição e rivalidade. Tenho certeza de que, quando a bola rolar no videogame, vai ter um bando de loucos vibrando", completou.

Fonte: GMB / Terra Esportes