QUI 13 DE DEZEMBRO DE 2018 - 17:12hs.
Deputado Herculano Passos, reeleito para a Câmara Federal

“A legalização dos jogos é um tema plausível de ser apreciado ainda neste ano”

Numa eleição em que a Câmara dos Deputados teve renovação de 47,3%, o Deputado Herculano Passos (MDB-SP), que criou e preside a Frente do Turismo (FrenTur), foi reconduzido ao cargo de parlamentar e vai continuar trabalhando pelo setor. “A legalização dos jogos já está pronta para o plenário e existe total boa vontade do Ministério do Turismo e também da Presidência da República”, conjectura Herculano que é a favor dos cassinos em resorts para fomentar o turismo.

Há menos de 24 horas após o resultado do primeiro turno das eleições de 2018, o setor do turismo pode comemorar a reeleição de seu maior defensor no Congresso Nacional. Herculano Passos (MDB-SP), presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Turismo, foi reconduzido ao cargo de Deputado Federal e, já declarou que seguirá trabalhando em prol do segmento.

“Desde quando assumi esse primeiro mandato, levantei a bandeira do turismo, porque já era algo pelo qual eu trabalhava quando prefeito. Esse é o setor com mais espaço para crescer no Brasil e que tem um potencial imenso de geração de emprego, arrecadação e renda”, defendeu.

Pelo resultado das urnas, a Frente do Turismo também terá uma renovação na ordem de mais de 50% dos deputados e senadores. “Dos cerca de 230 membros, 111 foram reeleitos. Assim sendo, no início do próximo mandato, iremos buscar novos participantes entre os parlamentares eleitos neste ano. Na minha opinião, essa renovação, aliada à experiência dos que foram reeleitos, deve oxigenar nossa Frente, beneficiando o setor”, prevê o Presidente da FrenTur.

Na pauta prioritária da Frente do Turismo, ainda neste ano, está o Projeto da Lei Geral do Turismo e o da elevação do capital estrangeiro nas empresas aéreas. Eles estão previstos para esta terça-feira, dia 09, mas correm o risco de não serem apreciados, pois há Medidas Provisórias que podem obstruir suas análises.

“Não sei se ainda neste ano, mas, com certeza, no ano que vem, voltaremos a discutir a questão da transformação da Embratur em agência. E, ouso dizer, que a legalização dos jogos também é um tema plausível de ser apreciado ainda neste ano, uma vez que já está pronto para plenário e existe total boa vontade do Ministério do Turismo e também da Presidência da República”, conjectura Herculano.

Fonte: GMB