LUN 23 DE NOVIEMBRE DE 2020 - 13:38hs.
Atualização do mercado de jogos

Estudo da Spectrum aponta que Brasil produziria o terceiro melhor GGR do mundo

A Spectrum Gaming divulgou uma atualização sobre o mercado brasileiro de jogos. Em sua apresentação, a empresa destaca que “os cassinos poderiam gerar entre US$ 9 e US$ 17 bilhões de GGR, o que significa que o Brasil produziria mais GGR do que qualquer jurisdição, exceto os EUA e Macau”. Para a consultoria, “devido aos esforços estagnados de expansão dos jogos no Japão, o país poderia ser o terreno mais fértil para desenvolvedores, investidores e operadoras de games”.

A Spectrum Gaming, consultoria formada por consultores e banqueiros de investimento, inclusive no Brasil, dedicados a fornecer serviços para desenvolvedores, investidores, operadoras, agências governamentais e outras partes interessadas está muito atenta aos movimentos para regulamentação do jogo no país e aponta que “O Brasil é um mercado de jogos atraente e inexplorado”.

Na atualização sobre o Brasil, a empresa estima que "o país poderia gerar entre US$ 9 e US$ 17 bilhões de GGR, o que o colocaria numa posição privilegiada, atrás apenas dos Estados Unidos e de Macau". A Spectrum aponta ainda que "com a estagnação do processo de regulamentação do jogo no Japão, o país poderia ser o terreno mais fértil para desenvolvedores, investidores e operadoras de jogos”.

A empresa de consultoria aponta em seu documento as apostas esportivas foram legalizadas em dezembro de 2018, e o “Ministério da Economia está progredindo para redigir regulamentos dentro do prazo de dois anos (que pode ser prorrogado por até mais dois anos). Os detalhes sobre a taxa de imposto, modelo de licenciamento, número de licenças e modalidade ainda não foram definidos”.

A Spectrum registra que “o Supremo Tribunal Federal votou para retirar do governo federal o monopólio que rege a operação da loteria do Brasil, permitindo agora que os estados administrem suas próprias loterias. Seguindo essa decisão, o consórcio IGT / SGMS, que ganhou o direito de operar a loteria instantânea do Brasil, retirou sua oferta anterior devido a atrasos na finalização do contrato e a subsequente decisão do STF”.

Isso, na avaliação da empresa, abre “oportunidades de expansão significativas para os estados. Operadores e fornecedores de loterias poderão oferecer suas plataformas e serviços diretamente aos estados e as operadoras atuais podem estender suas ofertas”.

No estudo, a consultoria aponta que as apostas esportivas estão avançando e “ainda acreditamos que continuará a haver atividades em torno da expansão do jogo no Brasil, à medida que o país busca fontes de receita adicionais em meio à pandemia. Para a indústria de jogos, o Brasil continua sendo o mercado mais atraente devido à sua grande população."

A empresa cita em seu estudo que “entre as empresas internacionais de jogos, o Hard Rock aparece mais focado no Brasil, pois continua a desenvolver vários hotéis no país; esperamos que o Rio de Janeiro e São Paulo sejam de grande interesse para grandes empresas de jogos, como LVS, CZR e MGM”.

O estudo pode ser baixado em inglês e português.

Fonte: GMB