DOM 22 DE MAYO DE 2022 - 20:58hs.
Rio de Janeiro

Comissão de Direito dos Jogos da OAB é instalada e nomeia Luiz Carlos Prestes como consultor

A Ordem dos Advogados do Brasil do Rio de Janeiro (OAB-RJ) instalou, nesta terça-feira, 10, a Comissão Especial de Direito dos Jogos Esportivos, Lotéricos e Entretenimento. O presidente, Paulo Horn, saudou os presentes e destacou que o objetivo do grupo é debater a regulamentação com toda a sociedade. Na oportunidade, foi nomeado consultor da comissão Luiz Carlos Prestes Filho, autor de três obras dedicadas ao tema.

Foi instalada nesta terça-feira, 10, a Comissão de Direito dos Jogos da OAB-RJ, que tem à frente Paulo Horn como presidente. Durante o ato, ele destacou que a proposta do grupo “é realizar o mais amplo trabalho que colabore com os esforços de regulamentação das atividades de jogos no Brasil. Temos de atuar no sentido de fazer o debate sobre a regulamentação colaborar para o esforço daqueles que no Executivo, no Legislativo e no Judiciário defendem a regulamentação."

Na instalação, foi nomeado consultor da Comissão da OAB-RJ o professor, escritor e jornalista Luiz Carlos Prestes Filho, autor de três obras dedicadas ao tema: “Teoria das Probabilidades no Jogo, na Ciência e nas Políticas Públicas”, “O Tempo livre como ativo econômico - o Jogo em debate” e “Brasil, você tá duro porque quer - debate sobre Cassinos, Bingos e Jogo do Bicho”.

Durante a reunião Prestes Filho apresentou sugestões de levar as discussões sobre jogos e apostas não apenas para a esfera pública - Governos do Estado e de Municípios, Assembleia Legislativa, Câmara Municipal, Polícias Federal e Militar  - mas também para entidades da sociedade civil, como  Federação da Indústrias, Federação do Comércio e Associação Comercial, Rock in Rio, Caminho Aéreo do Pão de Açúcar, Liga Independente das Escolas de Samba, entidades representativas do turismo, hotéis e restaurantes.

Prestes Filho destacou que seria simbólico realizar uma reunião de trabalho com o prefeito e vereadores da Cidade Imperial:

"Petrópolis guarda na sua memória um dos momentos mais originais da indústria de Jogos no Brasil. O Hotel Cassino Quitandinha, hoje administrado pelo Serviço Social do Comércio (SESC-RJ) como Centro Cultural, merece ser visitado pelos membros da comissão da OAB-RJ. temos que reverenciar a memória de milhares de trabalhadores que se viram desempregados da noite para o dia, com a proibição de Jogos em 1946".

Sobre o mais recente livro de Luiz Carlos Prestes - "Brasil, você tá duro porque quer" - em breve terá uma tarde de autógrafos na OAB-RJ.

Fonte: GMB