SEG 24 DE JUNHO DE 2019 - 20:50hs.
Para acelerar tramitação no Senado

Deputado Goulart convoca lotéricos para assinar petição pelo PL7306/2017

O Deputado Goulart, presidente da Frente Parlamentar dos Lotéricos na Câmara dos Deputados, lançou um site e convocou os lotéricos a participarem de uma petição para dar mais celeridade a tramitação do PL 7306 no Senado Federal. Em um vídeo no site, o Deputado afirma que os bancos já se movimentam para o projeto não ser aprovado e é preciso que a classe se mobilize para que a proposta passe no Senado antes que a Reforma da Previdência chegue a casa.

No vídeo, Deputado Goulart convoca os lotéricos a participarem da mobilização dizendo:

“Eu vim fazer hoje um apelo para que você (lotérico) se cadastre ainda hoje em nosso site. Nós estamos fazendo um grande trabalho hoje no senado da república por que o projeto número um do ano de 2018 é a sequencia do projeto que aprovamos por unanimidade na Câmara dos deputados em 22017. Esse projeto vai resolver definitivamente um ganho ridículo que os lotéricos tem hoje no Brasil”.

O parlamentar ressaltou a resistência dos bancos ao projeto e a necessidade da classe lotérica continuar a mobilização que faz desde o inicio da tramitação da proposta na Câmara.

“Só os bancos ganham e estão fazendo pressão para que não seja aprovado o nosso projeto. Mas, a força dos lotéricos, 13.500 lotéricos no Brasil, é maior que a pressão do setor financeiro que só pensa em explorar o povo e seus parceiros. Portanto é muito importante é fundamental o cadastro em nosso site”, afirmou Deputado Goulart.

No final do vídeo, Deputado Goulart ainda afirma que é importante conseguir aprovar o projeto dos lotéricos antes que o polêmico projeto da Reforma da Previdência, que atualmente está em debate na Câmara dos Deputados, chegue ao Senado, pois, assim ele poderá ser sancionado pelo presidente Michel Temer, ainda no começo de 2018.

O PL 7306/2017 dispõe sobre o valor das tarifas dos serviços prestados pelos permissionários lotéricos na função de correspondente bancário, entre outras providências.

Os lotéricos pedem a revisão nas tarifas repassadas a classe para a saída da crise econômica pela qual passam os empresários. Cerca de 500 casas lotéricas já declaram falência e foram fechadas em decorrência da crise.

Fonte: GMB