SÁB 25 DE SEPTIEMBRE DE 2021 - 10:30hs.
Um total de £ 1,83 bilhões

Contribuições da Loteria Nacional do Reino Unido para boas causas aumentaram 2,4% em 2020-21

A Loteria Nacional do Reino Unido contribuiu com £ 1,83 bilhão para o Fundo de Distribuição da Loteria Nacional para boas causas durante o ano encerrado em 31 de março de 2021, um aumento de 2,4% em relação a 2019-20, de acordo com novos números da Gambling Commission. A contribuição primária básica da loteria proveniente da receita feita durante o ano foi de £ 1,80 bilhão, um aumento de 3,8% ano a ano.

Depois de pagar £ 60,0 milhões para investimentos - parte das condições da licença de loteria - e £ 10,6 milhões em outros ajustes, isso deixou a contribuição principal da Loteria Nacional para boas causas em £ 1,73 bilhão, um aumento de 3,9%.

A Loteria contribuiu com mais £ 100,3 milhões em prêmios não reclamados, queda de 18,7%, e £ 6,1 milhões em outros pagamentos, resultando em pagamentos totais ao Fundo de Distribuição da Loteria nacional de £ 1,83 bilhão.

A Gambling Commission observou que esses números podem diferir dos próprios relatórios da operadora Camelot de contribuições para boas causas devido a diferenças nos métodos de relatório. Camelot também inclui investimentos em seu cálculo de boas causas.

Os valores a pagar a boas causas aumentaram significativamente com o passar do ano, em parte graças ao relaxamento das novas restrições ao coronavírus (COVID-19). No primeiro trimestre do ano - encerrado em 30 de junho de 2020 - £ 382,3 milhões, uma queda de 1,6% em relação a 2019-20.

No entanto, no segundo trimestre, isso aumentou para £ 452,9 milhões. Após uma ligeira queda para £ 444,8 milhões no terceiro trimestre, as contribuições atingiram £ 551,3 milhões no quarto trimestre. Este número aumentou 25,5% em relação ao mesmo trimestre de 2019-20.

O anúncio ocorre no momento em que as operadoras fazem ofertas para a quarta licitação de licenças da Loteria Nacional.

O Grupo Sazka foi a primeira empresa a anunciar a sua candidatura em outubro de 2020, seguido pela Sugal & Damani. A Camelot - que atualmente opera o sorteio - mostrou interesse ao preencher o questionário de seleção, mas não confirmou se está concorrendo ao concurso. No mês passado, a operadora de loteria italiana Sisal fez uma parceria com a BT para licitar a licença.

Fonte: iGB