DOM 21 DE ABRIL DE 2019 - 09:08hs.
As apostas desportivas lideram

Portugal arrecada 54 milhões de euros com jogo online

De acordo com os dados do primeiro ano completo desta atividade, o Estado angariou 54,3 milhões de euros com o jogo online. Já as empresas que exploram estas apostas obtiveram 122,5 milhões. Desde que o imposto sobre o jogo online entrou em vigor, o Estado conseguiu 85,2 milhões de euros.

O Imposto Especial de Jogo Online arrecadou 54,3 milhões de europs para os cofres do Estado. O valor foi revelado esta sexta-feira no relatório do Serviço de Regulação e Inspecção de Jogos do Turismo de Portugal que mostra ainda que desde que o imposto entrou em vigor foi responsável por reverter 85,2 milhões de euros para o Estado.

Se entre Janeiro e Dezembro de 2017 o Estado arrecadou 54,3 milhões de euroos, entre Maio e Dezembro de 2016 conseguiu 30,9 milhões.

Na sua totalidade, o sector gerou cerca de 122,5 milhões de euros de receita bruta em 2017, relativamente às sete entidades autorizadas no País a exercer a actividade de momento.

Entre as várias modalidades de apostas disponíveois em Portugal, as apostas desportivas lideram as contas, perfazendo mais de metade da receita bruta, com 68,1 milhões de euros, concentrando o futebol o maior volume de apostas (76,6%), seguido do ténis (12,4%), basquetebol (8,5%). As restantes modalidades representam apenas 2,5% das receitas.

Maior parte das apostas em ténis são feitas em jogos do Grand Slam enquanto no basquetebol são os jogos da liga norte-americana NBA que movem mais dinheiro no país. A Liga portuguesa é líder indiscutível nos destinos das apostas.

Os restantes 54,4 milhões de euros são gastos em jogos de fortuna ou azar online. Os jogos de máquinas são aqueles onde os portugueses gastam mais dinheiro, perfazendo 45,11% das receitas brutas, enquanto o póquer não bancado e a roleta francesa representam cerca de 19% das receitas, cada uma. O jogo de cartas online blackjack 21 é responsável por 9,22% das receitas e o póquer por cerca de 7%.

O relatório mostra ainda que maior parte (89,1%) dos jogadores online tem entre 18 e 44 anos, com predominância da faixa etária entre os 25 e os 34 anos (39,3%).

Fonte: GMB / sabado.pt