DOM 21 DE ABRIL DE 2019 - 09:53hs.
Mesmo com a polêmica das loot boxes

EA declara que não vai desistir das microtransações

O ano passado foi marcado pelas loot boxes. Países baniram o formato de negociações internas nos games por considera-las jogos de azar, o que ficou muito evidente com Star Wars Battlefront 2 e Need for Speed Payback. A EA foi o grande foco dos fãs, o que fez a empresa retirar as micro-transações de Star Wars. A fabricante de games, no entanto, não desistiu e diz que vai continuar com esse tipo de negócio.

Primeiro a empresa ressaltou que seu relacionamento com a Disney é muito sadio, desmentindo rumores de que a casa do Mickey estaria descontente com o trabalho executado pela publisher de games.

A EA revelou também que foram vendidos 9 milhões de unidades de Star Wars Battlefront 2. Andrew Wilson, diretor executivo da EA, disse que “não devemos acreditar em tudo que vemos na imprensa” e que a empresa vai continuar se dedicando a serviços digitais, entre eles as microtransações.

A diferença agora é que eles vão imaginar uma maneira de inserir este tipo de negócio em seus jogos de uma forma a não deixar os jogadores desconfortáveis. Battlefront 2 ainda poderá ter microtransações. A EA diz que assim que encontrar uma maneira viável, retomará o formato e terá todo apoio da Disney.

A grande preocupação da EA agora é saber em quais jogos adicionar as microtransações. Também será preciso assegurar que o formato é justo e opcional. O problema anteriormente era que o uso das loot box afetava diretamente na experiência com o jogo. Need for Speed, por exemplo, fazia o jogador se frustrar. Então, decidia comprar algum tipo de evolução para se divertir.

O diretor financeiro da EA, Blake Jorgensen não acredita que as loot box sejam desleais ou comparáveis a jogos de azar. Ele ainda afirmou que toda a indústria de games pensa da mesma forma.

A atitude da EA poderá ser mal vista pela comunidade dos jogadores de vídeo games. Esse assunto das microtransações é perigoso e cria antipatia. No entanto, é extremamente complicado para uma empresa desenvolvedora de games hoje em dia largar esta forma de negócio.

Comprovadamente é algo que dá retorno e gera uma renda muito grande. Porém, até que a EA encontre uma maneira de reativar as loot box de uma maneira justa, a maioria dos jogadores vão pensar que é uma forma injusta de levar um novo conteúdo para o mercado.

Fonte: GMB/ Combo Inifinito