QUA 23 DE JANEIRO DE 2019 - 07:34hs.
Na província de Buenos Aires

Operador argentino Boldt é excluído do controle de cinco cassinos

O Instituto Provincial de Loterias e Cassinos de Buenos Aires (IPLyC) formalizou uma resolução pela qual deixou de competir para o funcionamento das faixas horárias à empresa Boldt, em cinco dos sete locais de jogo submetidos ao concurso. A empresa, que há 23 anos quase sozinha gerenciava o negócio de slots nos cassinos, foi desligada devido a irregularidades técnicas.

Desta forma, Boldt foi excluído da disputa para continuar controlando as salas dos cassinos centrais de Mar del Plata e Monte Hermoso, onde competiu contra o Casino de Victoria SA.

O mesmo fato se deu na segunda rodada do concurso, que inclui os slots dos cassinos de Tandil, Miramar e do Hermitage de Mar del Plata, onde Boldt competiu contra a UTE formada por Bingo Oasis de Pilar e da companhia Misiones province Entretenimientos Saltos del Moconá.

Agora, Boldt só pode continuar no primeiro dos três grupos de cassinos em que a Província dividiu o processo de licitação. Lá havia se apresentado em sozinho para continuar operando o cassino Trilenium, apesar de ter sido objetivado ao que foi proposto no artigo 10, a Procuradoria Geral do Estado recomendou não prosseguir com a retirada.

"O Ministério Público Estadual declarou que estava atendendo à razão do objetor, considerando que o requisito estabelecido no Capítulo II, Artigo 10 dos Termos e Condições Específicos, tem por finalidade avaliar a viabilidade da proposta e as atitudes financeiras dos licitantes. E o fato é que a BOLDT não cumpriu com os requisitos do Edital de Licitação nesse ponto ", indica a resolução do IPLyC.

O regulador decidiu que a cerimônia de abertura do segundo envelope com as ofertas econômicas para a Província será realizada no dia 23 de janeiro de 2019 às 11h, na Sala de Reuniões da Área Administrativa da Sede do IPLyC.

Fonte: GMB