SEG 19 DE AGOSTO DE 2019 - 00:24hs.
Portugal

Elenco do sub-23 do Club Sport Marítimo participou de formação sobre apostas esportivas

O jogadores do sub-23 do Club Sport Marítimo participaram, na manhã desta segunda-feira, de uma ação de formação sobre o fenômeno das apostas desportivas e adulteração de resultados. “Aproveitem todas as oportunidades que são concedidas a vocês e andem atentos a tudo o que se passa ao redor. Chegaram ao Marítimo, que é um dos maiores clubes portugueses, e por isso têm responsabilidade no emblema que usam”, disse o presidente do time Carlos Pereira sobre o evento.

O fenômeno é relativamente recente no nosso país e tem merecido uma atenção especial da Federação Portuguesa de Futebol e da Associação de Futebol da Madeira, entidades patrocinadoras do evento.

O presidente do Club Sport Marítimo, Carlos Pereira, marcou presença na cerimônia apresentada por Rute Soares, da Federação Portuguesa de Futebol, e reforçou a aposta do clube na formação de atletas e indivíduos, apelando às responsabilidades dos jogadores na construção de uma carreira ao mais alto nível.

“Aproveitem todas as oportunidades que são concedidas a vocês e andem atentos a tudo o que se passa ao redor. Chegaram ao Marítimo, que é um dos maiores clubes portugueses, e por isso têm responsabilidade no emblema que usam. Espero que sejam capazes de construir grandes carreiras no futuro”, disse aos jogadores.

O presidente da Associação de Futebol da Madeira, Rui Marote, mostrou-se satisfeito pela forma como o evento decorreu e sublinhou a importância de formar em idades jovens.

“Já no ano passado tínhamos investido em formação juntos do escalão de juniores e agora voltamos a fazer, mas como os sub-23. Estamos perante jovens que irão iniciar as suas careiras, e, por isso, estão expostos a uma série de situações. Por conta disso, o nosso trabalho é ajudar”, afirmou.

O treinador-adjunto da equipa de sub-23 do Marítimo, Idalécio Antunes, foi bastante participativo durante a sessão, para que todos os assuntos fossem devidamente abordados.

“Estamos no Marítimo que é um clube íntegro e se orgulha de ser uma escola de formação por excelência. Por isso considero que estes eventos são importantes para a formação e crescimento dos jogadores”, disse.

O capitão da equipe, Barata, foi o porta-voz do grupo, reforçando a confiança no balneário perante os novos fenômenos que circulam no futebol.

Felizmente temos um balneário muito unido, coeso e confiamos todos uns nos outros. O clube permite-nos ter acesso a toda esta informação e isso acaba por ser bom para nós enquanto jogadores”, rematou.

Fonte: GMB / Club Sport Marítimo