LUN 30 DE MARZO DE 2020 - 11:00hs.
De hoje

Macau estabelece novas restrições de coronavírus para visitantes da China, Hong Kong e Taiwan

Macau proibirá a entrada, hoje (quarta-feira), dos visitantes da China continental, redondeza de Hong Kong e Taiwan que viajaram para o exterior nos 14 dias anteriores, enquanto combatem a pandemia de coronavírus. 'O governo garante a todos os cidadãos de Macau que fará um bom trabalho na prevenção de epidemias a qualquer custo', disse Ho Iat Seng, líder da antiga colônia portuguesa.

O maior centro de apostas do mundo, Macau, tem 25 infecções e visitantes da região da Grande China que representam mais de 90% dos seus turistas. Na semana passada, proibiu turistas estrangeiros e trabalhadores estrangeiros não-residentes, enquanto isentava os do continente, Hong Kong e Taiwan.

As pessoas que não viajaram para o exterior nas últimas duas semanas também enfrentam 14 dias de quarentena, disse Ho Iat Seng, líder da ex-colônia portuguesa.

"O governo garante a todos os cidadãos de Macau que fará um bom trabalho na prevenção de epidemias a qualquer custo", acrescentou Ho.

Embora os cassinos de Macau tenham reaberto após uma suspensão de duas semanas em fevereiro, as receitas caíram quase 90%, atingidas por restrições de visitas e regulamentos de saúde.

Os visitantes de Macau caíram 96% em fevereiro deste ano, enquanto seu governo reduziu em 56% a receita bruta anual de jogos para US$ 16,3 bilhões, diante dos US$ 32,55 bilhões estimados no ano passado.

Fonte: GMB / Reuters