MAR 7 DE JULIO DE 2020 - 06:54hs.
Com 25% da capacidade normal

Cassinos de Singapura reabrem no dia 1 de julho

Após três meses de fechamento, os cassinos em Marina Bay Sands e Resorts World Sentosa poderão retornar aos negócios a partir de primeiro de julho, depois que o Ministério do Comércio e Indústria e o Conselho de Turismo de Singapura concederem permissão para a reabertura de 13 locais de entretenimento. No entanto, as operações serão limitadas a não mais do que 25% da capacidade normal e sujeitas a rigorosas medidas de saúde e segurança.

Em um comunicado à imprensa, Marina Bay Sands (MBS) disse que estava restringindo o acesso ao cassino aos membros do Sands Rewards Club com status Gold e acima, além dos Levy Holders Anuais.

“O cassino também cumprirá rigorosas medidas de gerenciamento seguro. Haverá limitações no número de usuários em cada mesa de jogo, enquanto os assentos nas máquinas e slots de jogos eletrônicos estarão a pelo menos um metro de distância. Os Embaixadores de Distanciamento Seguro serão implantados para garantir que não haja espectadores. Os membros da equipe voltados para o cliente usam máscaras e escudos e higienizam as mãos antes e depois dos turnos nas mesas de jogo”, disse Marina Bay Sands.

A MBS, que disse ter treinado mais de 1000 funcionários para assumir funções de distanciamento seguro, também reabrirá o ArtScience Museum e o Sands SkyPark.

O Resorts World Sentosa abrirá seu cassino e o Universal Studios Singapore a partir de 1 de julho, seguido pelo SEA Aquarium a partir de 4 de julho.

O retorno de algumas operações de cassino ocorre quase duas semanas depois que Singapura entrou na Fase 2 de aliviar as restrições da COVID-19, com o MBS e o RWS abrindo algumas lojas de varejo e F&B.

Ambas as companhias suspenderam todas as operações no início de abril.

Fonte: GMB