LUN 25 DE ENERO DE 2021 - 04:23hs.
Sinais positivos

O que vem por aí no mercado de apostas esportivas no Brasil?

O mercado de apostas no Brasil tem progredido nos últimos tempos, em um país que há muito tempo é contra a promoção do mercado de jogos de azar. Agora, parece haver mais sinais positivos, já que o presidente assinou recentemente um decreto sobre apostas esportivas, que será privatizado. Isso resultará em muito dinheiro sendo injetado no Brasil, o que será um fator positivo para o futuro da economia.

Esses planos já estão em vigor há algum tempo e agora deram um grande passo na direção certa, pois o governo definiu supervisionar o mercado de apostas esportivas no Brasil. Com isso, o presidente Jair Bolsonaro assinou o Decreto nº 10.467, que dá continuidade na legislação de apostas esportivas no Brasil, na sequência da aprovação prévia do ex-presidente do país em dezembro de 2018.

Isso significa que o mercado de apostas esportivas finalmente será impulsionado por todo o Brasil, com cassinos e jogos online prontos para seguir adiante. Isto irá cobrir casinos online em Portugal, que há muito tempo são populares entre os jogadores brasileiros, e que também estarão de olho nas mudanças recentes que estão sendo implementadas. Estas plataformas não irão apenas oferecer os diferentes jogos de casino populares, mas também uma série de ofertas com diferentes bônus para serem adquiridas por jogadores online novos e antigos.

Trata-se de um processo que já está para ser implementado no mercado de apostas esportivas no Brasil e que deverá resultar em grande sucesso. Como vimos em tantos setores diferentes, em uma indústria que continua a crescer em todo o mundo e tem se mostrado um grande benefício para diferentes esportes e economias em geral.

O decreto aprovado envolverá também o Programa de Parceria de Investimentos (PPI) dos países. Isso permitirá que investidores privados também ofereçam apostas para jogadores locais em diferentes áreas do Brasil. Isso também reflete que o governo busca privatizar o negócio de loterias no Brasil, o que é muito provável que seja aprovado.

Caberá ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) a responsabilidade pelo processo de privatização e a garantia de sua correta execução. Também trabalharão ao lado do Ministério da Economia, que será responsável por trabalhar no caput, que é a introdução à legislação de apostas. Eles também trabalharão em torno dos diferentes estudos e projetos para garantir que a privatização seja bem-sucedida. Isso tudo para garantir um processo tranquilo para a privatização do mercado de apostas esportivas no Brasil.

Também foi divulgado que não serão concedidas mais de 30 licenças de apostas, uma vez que esta tenha sido lançada no Brasil. Significa metade do número projetado inicialmente. Isso mostra que só vai haver um pequeno número de operadoras no começo, uma vez que esse mercado de apostas esportivas estiver em alta no Brasil.

Esse esforço já está em andamento há algum tempo e é um passo positivo para o mercado de jogos de azar no Brasil. A grande questão agora é se isso levará à aprovação de uma legislação para cassinos físicos, que também tem sido trabalhado e havido progresso por um longo tempo. Apesar de tudo, ainda não existem prazos a definir para um mercado que aguarda ansiosamente a legislação, com muitas operadoras à espera de se lançarem neste mercado de enorme potencialmente.

Certamente, agora se espera um futuro empolgante para o mercado de jogos de azar no Brasil, que há muito se espera que seja um dos maiores do mundo. Isso também fez com que muitos dos principais times de futebol também firmassem parcerias com casas de apostas. O objetivo é aumentar ainda mais a exposição dessas marcas no Brasil.