LUN 28 DE SEPTIEMBRE DE 2020 - 21:23hs.
Yoshihide Suga

Candidato apoiador de IR com cassinos é confirmado como o próximo primeiro-ministro do Japão

O político a favor dos Resorts Integrados (IR) Yoshihide Suga ganhou a indicação de seu partido para suceder Shinzo Abe como primeiro-ministro do Japão. No início deste mês, Suga sinalizou sua intenção de avançar com o processo de regulamentação de IR no país, embora não tenha dado prazo. “Acho que os IRs são indispensáveis para nossos esforços de promoção do turismo”, disse Suga em uma recente entrevista para um programa de TV.

O secretário de Estado Yoshihide Suga se tornará o 99º primeiro-ministro do Japão depois de ganhar uma votação do Partido Liberal Democrático (LDP) na segunda-feira para suceder Shinzo Abe.

Suga derrotou os competidores Fumio Kishida e Shigeru Ishiba em uma reunião de representantes de ambas as casas em um hotel de Tóquio para se tornar o 26º líder do LDP. Houve um total de 535 votos expressos, compreendendo 394 votos de membros da dieta pertencentes ao LDP e 141 votos distribuídos entre três representantes de cada um dos 47 capítulos provinciais do partido.

Suga, de 71 anos, será nomeado primeiro-ministro em uma sessão extraordinária da Diet a ser convocada na quarta-feira, com o novo gabinete a ser inaugurado no mesmo dia. Ele se tornará o primeiro novo primeiro-ministro do Japão em sete anos e oito meses após Abe revelar, em 28 de agosto, que planejava renunciar devido à batalha em curso contra a colite ulcerosa agravada.

Suga apoia o desenvolvimento dos primeiros resorts integrados do Japão, afirmando durante uma aparição na TV Kanagawa na semana passada: “Acredito que os IRs são essenciais para o avanço de nossa política de turismo”.

Ele também enfatizou a ideia de continuar a promover estratégias de visitantes que incorporem IRs: “O foco tende a ser apenas o elemento cassino, mas o governo vai promover um IR que as famílias possam desfrutar como local de entretenimento e hotel, e onde os visitantes podem trazer suas famílias e ficar para as convenções internacionais.”

Fonte: GMB / Inside Asian Gaming