MAR 19 DE ENERO DE 2021 - 06:48hs.
Kristian Nylén

CEO do Grupo Kambi reduz participação acionária em 6%

Kristian Nylén, presidente-executivo do fornecedor de apostas esportivas Kambi Group, vendeu 45.000 ações da companhia para pagar um empréstimo contraído em março de 2020, que era para pagar a opção de preço e o imposto de renda devido no exercício de 300.000 opções de ações emitidas para o CEO em 2013. Nylén continua a ser o principal acionista em longo prazo da Kambi, com 2,3% do total de ações do Grupo.

O CEO do Kambi Group, Kristian Nylén, vendeu 45.000 ações da empresa com a maioria dos recursos da venda sendo usada para pagar totalmente o empréstimo da empresa, incluindo os juros devidos, que ele havia contratado para exercer as opções em março de 2020.

A Nylén continua sendo uma grande acionista de longo prazo da Kambi. Após a transação, a Nylén passou a deter 720.000 ações, correspondentes a 2,3% do total das ações do Grupo.

Os resultados publicados na semana passada mostraram que Kambi espera que a receita para o quarto trimestre de 2020 caia entre € 46,0 milhões e € 48,0 milhões, o que significa que a receita do ano inteiro pode aumentar 27,6% para € 117,8 milhões, apesar da suspensão dos esportes durante grande parte do ano.

As receitas do trimestre aumentaram cerca de 76% ano a ano, no entanto as despesas também aumentaram para entre € 24,0M e € 25,0M. O fornecedor disse que isso se deveu principalmente aos custos mais altos das opções de ações causados ​​pelo forte desempenho das ações da Kambi.

O preço das ações da Kambi aumentou 34,3% durante o quarto trimestre, encerrando o ano em £ 35 por ação. Espera-se que o lucro do ano inteiro antes de juros e impostos fique entre € 31,0 milhões e € 34,0 milhões. 

Fonte: GMB / iGB