DOM 18 DE NOVEMBRO DE 2018 - 09:49hs.
Um aumento de 74%

The Stars Group tem receita bruta de US$571,983 milhões no 3º trimestre

Foi divulgado o relatório de contas relativo ao terceiro trimestre do The Stars Group, empresa mãe da PokerStars, Full Tilt, que agora conta também com a Sky Betting & Gaming, além da BetEasy (fusão da CrownBet e William Hill Australia). Nos números propriamente ditos, o The Stars Group obteve receitas brutas de US$571,983 milhões, um aumento de 74% em relação ao mesmo período em 2017, onde chegou aos 329,443 milhões.

Esta é a primeira apresentação que conta com os dados relativos às recentes aquisições do grupo. Assim, o que salta à vista é a diminuição do peso do poker nas receitas do grupo. Antes das aquisições, o poker contribuía com 63% das receitas e agora tem um peso de apenas 36% (quase metade). A isto podemos ainda juntar o considerável aumento da presença do grupo no Reino Unido e Irlanda.

Nos números propriamente ditos, o The Stars Group obteve receitas brutas de $571,983 milhões, um aumento de 74% em relação ao mesmo período em 2017, onde chegou aos 329,443 milhões.

O poker ficou aquém das expectativas do grupo, uma vez que registou uma diminuição de 3,9% em relação ao período homologo. Neste terceiro trimestre, o poker rendeu $212,8 milhões, contra os $221,4 registados em 2017. Os responsáveis da sala justificam este declínio com a saída do mercado australiano e com impacto do Mundial de Futebol no jogo.

Já os jogos de casino aumentaram 28,9% em receitas ($107,6 milhões) e as apostas desportivas subiram 79,9% ($21,0 milhões) em relação ao mesmo período em 2017.

Rafi Ashkenazi, CEO do The Stars Group disse o seguinte sobre o recente relatório de contas: "Estamos satisfeitos com os nossos resultados trimestrais, que refletem tanto o crescimento orgânico continuo dos nossos negócios internacionais quanto as contribuições da BetEasy e Sky Betting & Gaming, apesar dos resultados desportivos desfavoráveis durante este período".

Fonte: GMB / Pokernews