DOM 22 DE MAYO DE 2022 - 19:37hs.
Com recursos de R$ 2 milhões captados via Lei Rouanet

Jockey Club de São Paulo ganha projeto milionário de restauração

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, esteve em São Paulo (SP), para tratar de turismo equestre no Brasil. Durante a agenda, Machado Neto também conheceu o projeto de restauração do Jockey Club de São Paulo, que conta com recursos via Lei Rouanet, e recebeu o documento de doação do Instituto Brasileiro de Equideocultura (Ibequi), que cede 40 cavalos para o programa Pátria Voluntária para equoterapia com crianças.

O Brasil tem o 4º maior número de cavalos do mundo, entre diversas raças. São mais de 6 milhões de animais. O setor gera 3 milhões de empregos e movimenta R$ 16 milhões ao ano. A doação feita pelo Ibequi será oficializada em Brasília (DF), com a presença das principais associações do segmento equestre do país.

O ministro do Turismo agradeceu ao Ibequi pela iniciativa e destacou a importância dos cavalos para as instituições. “Agradeço pelo gesto que vocês estão tendo, em nome da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e do governo do presidente Jair Bolsonaro”, disse. “Vamos formalizar essa entrega lá em Brasília, com a presença de todo o trade envolvido com cavalo”, afirmou.

Durante o encontro, o ministro também tratou de medidas para fortalecer o segmento e fomentar os empregos e o desenvolvimento do setor. “A atividade equestre emprega mais do que a indústria automobilística e terá o nosso apoio para se estruturar cada vez mais”, declarou.

Machado Neto também conheceu o projeto de restauração do Jockey Club de São Paulo, que conta com recursos de R$ 2 milhões captados via Lei Rouanet. “É um investimento importantíssimo do governo federal que vai recuperar esse equipamento que tem tradição e é um bem perene que fica para toda a sociedade”, explicou o ministro.

De acordo com a administração do Jockey, a revitalização vai englobar as lâminas de vidro; as esquadrias, que estão sendo desmontadas e restauradas sem alterar suas características originais; e as paredes, que serão pintadas em suas cores originais, de acordo com técnicas especializadas no restauro de construções históricas.

O Jockey Club de São Paulo tem o orgulho de possuir o segundo maior acervo do grande escultor ítalo-brasileiro Victor Brecheret, que é o principal responsável pela introdução do modernismo em terras brasileiras”, diz a página oficial da entidade. “Nós estamos restaurando graça à Lei Rouanet e está ficando muito bonito. Aqui temos o maior acervo art déco da América do Sul”, disse Marcelo Motta, vice-presidente do Jockey Club.

Fonte: GMB